Email:

pelvic.care.ft@gmail.com

Lisboa, Portugal

Soraia Coelho

Tlm: 966106708

  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • LinkedIn - Black Circle

© 2017 por Soraia Coelho. Todos os direitos reservados.

Fotografias pessoais por Bless

Pelvic Care Blog

Devo preparar o meu pavimento pélvico para o parto?

June 17, 2019

 

Na minha caixa de email e das redes sociais recebo muitas perguntas sobre preparação pélvica para o parto. De forma a ajudar a entender melhor a sua importância, o blog de hoje vem em jeito de questionário. Vamos lá?

 

  • Para que servem os músculos do pavimento pélvico?

Os músculos do pavimento pélvico são responsáveis pela continência, evitam o prolapso de órgãos pélvicos, sustentam nossos órgãos e articulações, ajudam a desfrutar de uma vida sexual prazerosa e são responsáveis pelos orgasmos intensos.

  • O que seus músculos do pavimento pélvico rodeiam?

Bexiga, uretra, útero, recto e vagina.

  • Os músculos do pavimento pélvico e os músculos abdominais devem funcionar em sinergia?

Sim. Alias muitas disfunções pélvicas podem vir de problemas ao nível da musculatura abdominal, por esta se apresentar ou demasiado tensa, ou demasiado laxa.

  • Por que as mulheres podem vazar urina quando estão grávidas?

Os músculos do pavimento pélvico podem estar tensos ou fracos ou "confusos" e não  sabem contrair ou relaxar adequadamente. A pressão do bebé pode exceder força  "extra" perante o pavimento pélvico.

  • Se tiver perdas de urina enquanto estiver grávida, o que pode fazer para melhorar?

Um fisioterapeuta especializado em reabilitação pélvica pode ajudá-la a entender por que apresenta incontinência  e dar-lhe um plano individualizado para ajudar. Não existem "receitas de bolo" logo, cada tratamento deve ser especifico apenas para si. 

  • Com que frequência você deve exercitar os músculos do pavimento pélvico?

Isso depende, irei falar mais sobre o assunto.

  • O que é o prolapso dos órgãos pélvicos e como ocorre?

O prolapso do órgãos pélvicos ocorre quando os órgãos começam a "sair" para o canal vaginal. O parto é o factor de risco # 1 para isso. Os músculos enfraquecidos do pavimento pélvico e/ou uma diastasis abdominal exacerbada podem contribuir para esses problemas.

  • Uma vez que uma pessoa tenha prolapso dos órgãos pélvicos, pouco pode ser feito para ajudar.

Falso. A fisioterapia do pavimento pélvico pode ajudar.

  • O vazamento de fezes ocorre apenas em mulheres mais velhas.

Falso. A incontinência fecal pode ocorrer após o parto ou desenvolver-se em qualquer momento da vida da mulher, dependendo da integridade do pavimento pélvico e dos músculos envolventes.

  • Se ocorrer incontinência de fezes relacionado com a gravidez ou nascimento, a duração é curta.

Falso. Pode continuar se não for tratada.

  • A cirurgia é o único tratamento para vazamento de fezes.

Falso. Só em casos pontuais se opta por cirurgia como primeira opção. Sempre optar por um tratamento conservador e não invasivo.

  • Os músculos do pavimento pélvico desempenham um papel no orgasmo?

Sim! Músculos fortes, orgasmos mais intensos. Sabem aquelas contracções que sentimos aquando do orgasmo? Ora se os nossos músculos pélvicos, responsáveis por essas contracções, estão fracos, o orgasmo será de pouca intensidade. 

  • Os músculos do pavimento pélvico desempenham um papel na dor sexual?

Sim. Se estes se encontram muitos contraídos, e sem capacidade de relaxar, podem ser os responsáveis por uma relação sexual dolorosa à penetração. Se existir cicatrizes de episiotomia ou de lacerações aderentes ou fibróticas, também pode ocorrer essa sintomatologia. 

  • A massagem perineal é eficaz e devo fazer isso?

A resposta para essa pergunta é Sim, Sim e Sim! Existe um tempo e lugar para a massagem perineal. Num estudo publicado no American Family Physician, foram revisados ​​4 estudos que incluíram 2.497 participantes. O estudo mostrou que mães de 1ª vez beneficiaram da massagem perineal das seguintes formas:

  • Redução da sutura perineal

  • Redução significativa de episiotomias

  • Menos dor pós-parto

 

A maioria das mulheres relatou que praticava novamente a massagem perineal e recomendava a outras lheres. Os partos vaginais exigem flexibilidade muscular, teoriza-se que a massagem perineal melhora a flexibilidade, diminui a resistência e, portanto, reduz  a hipótese de lacerações e a necessidade de episiotomia.

Recomenda-se que as mulheres iniciem a massagem perineal às 28 semanas, desde que não exista contra-indicação médica. As mulheres que praticavam 1,5 vezes por semana durante 5 minutos reduziram a necessidade de episiotomia. Aconselha-se a consulta de uma fisioterapeuta especializados em reabilitação pélvica de forma a ensinar correctamente a massagem perineal. 

  • Eu preciso fazer Kegels durante a gravidez?

Os kegels são frequentemente incluídos em regimes de exercícios para tratar a incontinência urinária de esforço e o prolapso de órgãos pélvicos, mas seu efeito sobre o trabalho de parto e o parto ainda não foi completamente estudado até recentemente. Numa revisão sistemática, 12 estudos que incluíram 2.243 mulheres foram examinados. Os estudos encontraram alguns grandes benefícios para as mães de 1ª vez:

 

  • Os exercícios de Kegel encurtaram a 1ª etapa do trabalho de parto em 28,33 minutos

  • Os exercícios de Kegel encurtaram as 2ª etapas do trabalho de parto em 10,41 minutos

  • Os exercícios de Kegel reduziram/ preveniram a incontinência urinária de esforço

  • O treino muscular dos músculos pélvicos não aumentou ou diminuiu o risco de episiotomia, trauma perineal ou uso de forceps.

 

Cada um dos 12 estudos revisados ​​usou diferentes protocolos de treino da musculatura pélvica em termos de frequência, duração, datas de início e término e como as mulheres foram instruídas a realizar os exercícios. Os fisioterapeuta especializados em reabilitação pélvica individualizam programas para cada paciente, logo seguir apenas informação online não é de todo recomendado. 

 

Agora já sabe, se tem duvidas e gostaria de ser avaliada, não hesite em fazer uma marcação

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Destaques

Devo preparar o meu pavimento pélvico para o parto?

June 17, 2019

1/1
Please reload

Arquivo
Please reload

Categorias
Please reload